Casamento

10 coisas que aprendi em 10 anos de casada.

Esse semana eu completei 10 anos de casada. Bodas de estanho (também conhecidas como bodas de zinco). Em uma era onde os casamentos terminam em taxas assustadoras, há de se refletir sobre esse dia.

recem_casados_10_ha_anos_de_camisa_do_casamento_t-raa441f18648a43fdac50250f7937651f_k2gm8_307

Com serenidade podemos dizer que foram dias felizes e dias difíceis, dias de romantismo no ar e dias de atritos dolorosos, dias de esperança e realização, e dias de lágrimas e ajustes. O casamento é assim mesmo, mas não há como se discutir a alegria de saber que você tem alguém que te ama acima das diferenças. Mesmo agora, depois de 10 anos, posso dizer que o casamento é maravilhoso, uma experiência que me ajuda a crescer e vencer (além de desenvolver muitos frutos do Espírito rsrs).

Hoje, reuni 10 importantes lições que aprendi nesses 10 anos, talvez elas possam ensinar alguma coisa para outras pessoas que estão nessa jornada também.

1) Algumas coisas você precisa aceitar que não vão mudar. Não adianta você chorar de raiva porque seu marido não abaixa a tampa do vaso, deixa a toalha molhada na cama ou não encontra nada (naaaaaadaaaaaa). Algumas coisas você vai precisar aceitar ou vai enfartar (e pelo amor de Jesus de Nazaré… essas coisas não são motivo para seu casamento ir pro ralo). Para manter seu casamento até as bodas de ouro (e além disso) é preciso entender que algumas coisas você tem que aceitar.

2) Casamento é um ciclo. Pode ser que você esteja nos seus primeiros meses de casada e ao ler isso discorde de mim com alguma frase romântica, mas a verdade é que casamento é um ciclo. Alguns dias são muito bons e outros são pela misericórdia. Nos dias mais difíceis evite o pensamento de que seu casamento foi um erro e vai fracassar. Tenha consciência de que são apenas dias difíceis, logo chegam os dias bons.

3) Homens e Mulheres são diferentes. Não adianta você querer que seu marido seja como você. Ele é biologicamente programado para dar trabalho (rs). Se você entender isso, vai conseguir respirar fundo e isso te causará menos decepções. Somos diferentes, mas isso não é causa de incompatibilidade.

4) Não se pode desistir por causa das dificuldades. Tem dia que você agradece a Deus pelo porte de armas não ser liberado, mas tenha calma. Não desista de tudo por causa das dificuldades. Por pior que seja a tempestade você não deve focar toda a sua relação nela. Aprenda que todos os problemas tem uma solução, as vezes você precisará de ajuda (e não há nada de errado em pedir ajuda). Desistir parece o caminho mais fácil mas na verdade é apenas um atalho covarde.

5) Casamento da trabalho e precisa de investimento. O casamento definido pela rotina geralmente acaba nos escritórios de direito da família. A rotina é o pior (PIOR) inimigo do seu relacionamento. Geralmente é ela que causa o desanimo e te faz focar nas coisas ruins ao invés das coisas boas. Casamento precisa de investimento, precisa de momentos diferentes, jantares românticos, finais de semana de casal, presentinhos, noites especiais, roupa íntima cara, etc…

6) A individualidade é necessária. Quando você casou, vocês deixaram de ser dois e passaram a ser um, mas, não estamos falando de “1” literalmente (rsrs), vocês não precisam estar juntos 24h por dia. Cada um precisa ter um tempo pra sí, seja para estudar, pra sair com amigos, se divertir ou só assistir TV. Se a individualidade do conjugue é subjugada um desgaste começa a nascer.

7) O casamento dos outros pode até te inspirar, mas não compare sua relação com a de mais ninguém. Primeiro porque nem sempre o casamento é só aquilo que você vê, dentro de casa, quando não há visitas nem expectadores, as coisas podem ser bem diferentes. Não compare sua relação com a de ninguém.

8) As vezes você vai precisar abrir mão da razão, as vezes vai precisar perdoar e as vezes precisa pedir perdão. O casamento é feito de pessoas imperfeitas e por isso, não pode ser perfeito. Comercial de margarina só é bonito daquele jeito porque dura cerca de 30″.

9) Existem pequenas coisas que podem levar seu casamento ao deserto. As vezes é aquela palavra dura, ou aquela teimosia persistente, pode ser o ciúmes exagerado ou ainda o desleixo constante. Como já dizia meu amigo Pareto “Apenas 20% dos motivos causam 80% das dores”. Identifique seus 20% e mude-os.

10) Vocês vão mudar. Isso é normal. Com o passar dos anos as pessoas mudam, não espere que seu conjugue seja o mesmo da fase do namoro, mas, procure não deixar as principais coisas morrerem… o amor, a paixão, o tesão, a confiança, etc.

Há 10 anos, eu e meu esposo buscamos diariamente nos ajustar naquilo que tenta enfraquecer nossa relação, nem todas as batalhas foram vencidas, algumas ainda estão por vir. Talvez os próximos 10 anos ainda não sejam suficientes para encontrarmos todas as soluções, mas, cada dia que passa é mais um dia nesse compendio de histórias que é a vida conjugal.

Por hora, posso dizer que comemoramos mais um ano! Mais um ano que criamos memórias preciosas juntos. Mais um ano desfrutamos de alegrais lindas juntos. Mais um ano que descobrimos novas coisas um no outro. Porque cada boda pra nós é uma vitória. A vitória da nossa família! A vitória do nosso amor!

Anúncios

2 comentários em “10 coisas que aprendi em 10 anos de casada.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s